quarta-feira, 10 de agosto de 2011

O Agressor do árbitro Pedro Proença


"Sócio cativo do Benfica." Foi assim que Américo, de 32 anos, se apresentou na esquadra da PSP do Colombo, na noite de segunda-feira, depois de ter dado uma cabeçada ao árbitro Pedro Proença, em plena zona pública do segundo piso do Centro Comercial Colombo, em Benfica (Lisboa). "O gajo só roubava o Benfica!", terá dito Américo aos polícias, justificando a agressão que valeu ao árbitro um ferimento na boca e dois dentes partidos.

Fonte: Diário Notícias 




Óbviamente que estes actos animalescos são condenáveis e em nada prestigiam o Benfica e Desporto em geral. O que está aqui em causa é um crime que se a Justiça funcionar, deve ser punido exemplarmente para servir de exemplo em casos futuros.



 Curiosa a declaração deste jogador cheio de moral mas que deveria ser o último a tocar neste assunto.

6 comentários:

Pedro PM disse...

Se os regulamentos não permitirem, a direcção do Benfica devia alterá-los para que os detentores de lugares cativos percam o acesso ao estádio quando estiverem envolvidos em situações de violência.

Quanto ao João Vieira Pinto, ele afirmou que "é uma situação fora do normal» pois para ele, a normalidade são murros no estômago a árbitros.

Jotas disse...

Eu vou dar uma cabeçada em soares Dias e dizer que sou sócio cativo do Porto.(claro que estou a brincar, mas qualquer um pode dizer o que quer).
JVP o homem dos socos a árbitros é de facto que mais moral tem para falar.

Rafael Santos disse...

O agressor é adepto confesso do Benfica,tal como pode ser Cristão e ter-lhe batido por o outro ser de outra religião,como pode ser militante do CDS e ter-lhe batido por o outro ser do BE!
Quantas agressões destas há que não são noticiadas?
Quanto aos orgãos de comunicação social agradeça á postura do seu presidente que ao longo dos anos ganha títulos mas não ganha notoriedade nem passa de um clube regional.

João Oiveira disse...

Se este senhor sair em liberdade sem nada lhe acontecer podem ter a certeza que é tudo menos benfiquista. Muito conveniente para o Porto esta história. Conveniente demais no dia a seguir aos supostos 3 penaltis por marcar na supertaça.

Carlos Alberto disse...

Herói Américo!

Manuel disse...

O que é que têm os actos das pessoas, fora do estádio de futebol, a ver com o Benfica?

Então se um marido bater na mulher, por o Benfica ter perdido, irá também ficar impedido de ir ao estádio ou perder o cativo?

Isto é apenas um caso de polícia. Que nem isso foram sequer as dezenas de casos ao longo dos anos, quando os adeptos andrades bateram, e batem em tudo o que mexe do Benfica, em jornalistas, dirigentes, jogadores, adeptos, etc. etc.

Também Pode Gostar

Blog Widget by LinkWithin