domingo, 29 de novembro de 2009

Querer muito não Perder...




O Benfica empatou a zero golos em Alvalade num jogo em que a vontade de querer ganhar não foi maior do que os cuidados que tiveram para não perder.


Faltou criatividade às 3 equipas que estiveram presentes num relvado que dispensa apresentações... 
Pedro Proença até nem esteve mal embora a sua "criatividade" voltasse a ser tendenciosa ao não assinalar uma clara mão de Polga em cima da linha da grande área. (voltei-me a lembar do penalty do Lisandro...)







Boa atitude e entrega do Sporting que entrou mais motivado do que nunca por estar a jogar contra o Benfica e que até ameaçou marcar, mas encontrou sempre um porta-aviões chamado Benfica que defendia muito bem e atacava de uma forma desinspirada e desacertada.


No final do jogo ficou a sensação que qualquer das equipas poderia ter ganho o jogo e que o resultado serviu mais ao Benfica do que ao Sporting...




Uma situação que poderia ter custado caro ao Benfica  que passou a 2º parte a jogar várias vezes com 10 jogadores devido a uma inaceitável incapacidade para estancar o sangue da cabeça de Javi Garcia... que mais uma vez demonstrou um enorme espírito de sacrifício, coragem e grande profissionalismo.
No final do jogo levou 12 pontos na cabeça. Ele deixou tudo em campo: suor e sangue...





Não deixa de ser um resultado positivo e estou convicto que este empate em Alvalade foi mais uma pedra assente nesta longa caminhada rumo ao Título... Há jogos em que não se justifica correr demasiados riscos para obter 3 pontos. Hoje foi um deles. Com Trapattoni, jogámos sempre assim e fomos Campeões!
E Jesus sabe isso melhor que ninguém...




Também Pode Gostar

Blog Widget by LinkWithin