terça-feira, 29 de setembro de 2009

Autocolantes do SLB


Crónicas de Ricardo Araújo Pereira


Pedro Proença, um homem do avesso

SE alguma vez eu for, em tribunal, acusado de algum crime por uma testemunha ocular, espero sinceramente que essa testemunha seja o árbitro Pedro Proença. Aquilo que Pedro Proença presencia é sempre o rigoroso oposto daquilo que ele pensa que presenciou – o que é extremamente curioso. As coisas acontecem de pernas para o ar à frente de Pedro Proença. O mundo, que está direito para nós, apresenta-se-lhe do avesso. Repare o leitor: no ano passado, no estádio do Dragão, Yebda não cometeu qualquer falta sobre Lisandro López. Pedro Proença assinalou a respectiva grande penalidade. Na semana passada, Alvaro Pereira cometeu penalty sobre Alan. Pedro Proença, como é evidente, mandou seguir. Ambas as situações foram avaliadas ao contrário, e foi isso que me permitiu detectar aqui um padrão interessante. Só há uma coisa que nunca se inverte: quem está de azul e branco, sai beneficiado; quem está de vermelho, sai prejudicado.

O lagarto e o dragão são dois bichos escamosos que largam gosma. Este é um primeiro ponto. O segundo ponto é este: Pinto da Costa e José Eduardo Bettencourt vão assistir ao FC Porto-Sporting juntos, na tribuna presidencial do estádio do Dragão. Depois de ter assistido ao Nacional-Sporting junto do homem que prometeu ao seu clube o Paulo Assunção e, à última hora, o levou para o FC Porto, Bettencourt prepara-se agora para assistir ao FC Porto-Sporting junto do homem que recebeu o jogador que o seu clube estava quase a contratar. Os sportinguistas, que se saiba, não dizem nada. A única vez que censuraram uma atitude do presidente do Sporting foi quando ele cometeu o gravíssimo delito de dizer que o plantel do Benfica era bom. Mas hoje, Bettencourt terá, enquanto estiver sentado ao lado do dirigente que está a cumprir pena de suspensão de dois anos por tentativa de corrupção, a admiração dos sócios do Sporting. A menos que elogie o Benfica, claro.

O FC Porto-Sporting de hoje é, não me custa reconhecê-lo, um duelo de titãs. A equipa à qual foi perdoado o penalty de Alvaro Pereira sobre Alan, em Braga, defronta a equipa à qual foi perdoado um penalty de Miguel Veloso sobre Toy, em Alvalade, e a favor da qual se marcou um penalty inexistente. Prevejo, portanto, um jogo com muito futebol por alto. Quando duas equipas estão a ser levadas ao colo, não faz sentido jogar a bola pela relva. Ao colo do árbitro, os jogadores têm alguma dificuldade de chegar com os pés ao chão.

Por Ricardo Araújo Pereira in A Bola, 27 de Setembro 2009




segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Modelo Processa Cirurgião Plástico


A jovem modelo Mary processou o seu cirurgião plástico por não ter feito o alinhamento correcto dos seus mamilos na cirurgia de implante de silicone.

Ouvido na sua clínica, o cirurgião declarou que “não tem nada de errado...os mamilos parecem-me perfeitamente alinhados"...

Ou muito me engano ou a origem do problema deve ser um cabo de 21 pinos desligado do lado direito...

Miguel Veloso...no comments


domingo, 27 de setembro de 2009

Paulo Bento anda nisto há muitos anos...




E ao minuto 89 Jesus levantou-se e disse: "5-0 já chega...."


 
 
O Leixões foi presa fácil para o Benfica que começou por derrubar o adversário em lances de bola parada e, quando tinha mais dois jogadores em campo, limitou-se a assinar e mandar publicar o seguinte decreto: 5-0
Com 21 golos marcados em seis jornadas, na Luz mora o segundo melhor ataque da Europa. O Liverpool, é o único que supera esta marca, com 22 mas tem mais um jogo.
 
Golos 1-0, por David Luiz, aos 45’; 2-0, por Cardozo (g.p.), aos 56’; 3-0, por Ramires, aos 75’; 4-0, por Maxi Pereira, aos 82’; 5-0, por Cardozo, aos 89’.
 
  Destaques:
 
Aimar que jogou que se fartou e voltou a mostrar o "perfume" do seu futebol que até Maradona já não dispensa...
 
Mais uma vez, uma excelente casa (43.283 espectadores) que recriaram um ambiente infernal durante todo o jogo.

Frases dos dois treinadores no final do jogo:
 
Jorge Jesus: «Disse aos jogadores ao intervalo que íamos golear»

José Mota: «Benfica podia ter ganho por mais»



Carrega BENFICA!!!!

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Eleições e Promessas Eleitorais




É o problema da formiga e da cigarra: há muita gente a falar mas não acrescentam valor nenhum...
Falam, falam, falam, mas não dizem nada....

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

No País das Maravilhas



                                           Fonte: Ricardo Galvão, Jornal A BOLA

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Cerveja "trama" Lehmann

O clube alemão, Estugarda, decidiu suspender temporariamente o seu guarda-redes Jens Lehmann, por este ter ido à “Oktoberfest”, a famosa festa da cerveja tradicionalmente celebrada em Munique desde 1810.

Este ano, a "Oktoberfest" será de 19 Setembro a 4 Outubro onde serão esperadas cerca de 6 milhões de pessoas e deverão ser consumidos 7 milhões de litros de cerveja.


Por sua vez, o guarda-redes disse que a sua presença no evento foi somente motivada por uma “acção de beneficência"...

Lehmann!!! Para o ano vê lá se convidas o Petit!

Diz-lhe que o crime compensa!

















Crónicas Ricardo Araújo Pereira: Gripe A


A Rir também se aprende a lavar as mãos...

A tão negligenciada literatura de casa de banho acaba de obter o significativo patrocínio do Estado. O recente panfleto que a Direcção-Geral de Saúde espalhou por todas as casas de banho públicas do País é, antes de tudo, inquietante - como toda a boa literatura deve ser.
Intitulado "Como lavar as mãos?", o texto começa por ser magistral no modo como manipula a arrogância do leitor para, em primeiro lugar, provocar o riso.
Um riso que depressa se torna amargo: em poucos segundos, o mesmo leitor que intimamente escarneceu da intenção de quem se propunha ensinar-lhe insignificâncias é tomado pelo assombro de verificar que nunca, em toda a vida, teve as mãos verdadeiramente lavadas.
O panfleto apresenta um plano de lavagem das mãos em 12 (doze) passos, incluindo manobras de esterilização com as quais o cidadão médio jamais terá sonhado. Não haja dúvidas: estamos perante um compêndio da higiene manual e digital, uma bíblia da desinfecção do carpo e metacarpo. Este detalhado e rigoroso guia não deixa nem uma falangeta por purificar. Mas - e isto é que é terrível -, ao mesmo tempo que o faz, esfrega-nos na cara a nossa imundície passada e presente.
Ao primeiro passo da boa lavagem de mãos é atribuído, misteriosamente, o número zero: "Molhe as mãos com água." Trata-se, é claro, de um momento propedêutico em relação à lavagem propriamente dita, mas não deixa de ser surpreendente que a Direcção-Geral de Saúde não lhe reconheça dignidade suficiente para lhe atribuir um número natural. O passo número um vem então a ser o seguinte: "Aplique sabão para cobrir todas as superfícies das mãos."
É aqui que começa a vergonha.
Quem sempre ensaboou não deixará de sentir a humilhação de nunca ter aplicado sabão. A instrução encontra na linguística um cruel elemento diferenciador do grau de asseio: quem sabe lavar-se aplica sabão; os porcos ensaboam-se. Porcos esses que, como é óbvio, olham pela primeira vez para as mãos como extremidades dotadas de uma pluralidade de superfícies.

No passo número dois ("Esfregue as palmas das mãos, uma na outra", recomendação acompanhada de um desenho em que duas mãos se esfregam em movimentos circulares contrários ao movimento dos ponteiros do relógio), quem sempre esfregou no sentido inverso, como é o meu caso, sente que desperdiçou uma vida inteira de higiene pessoal. Os passos seguintes fazem o mesmo, embora em menor grau: em terceiro lugar há que "esfregar a palma da mão direita no dorso da esquerda, com os dedos entrelaçados, e vice-versa"; o quarto passo apela a que se esfregue "palma com palma com os dedos entrelaçados"; e o quinto passo aconselha uma fricção da "parte de trás dos dedos nas palmas opostas com os dedos entrelaçados". Bem ou mal, com os dedos mais ou menos entrelaçados, estes passos descrevem esfregas que estão ao alcance da imaginação de qualquer pessoa. A partir daqui, o caso piora de novo.
O passo seis determina que se "esfregue o polegar esquerdo em sentido rotativo, entrelaçado na palma direita e vice-versa", em movimentos semelhantes aos que se fazem quando se acelera numa motorizada, e o passo sete recomenda que se "esfregue rotativamente para trás e para a frente os dedos da mão direita na palma da mão esquerda e vice-versa". O cuidado posto nestes preceitos amesquinha quem até aqui se limitava a esfregar as mãos uma na outra, descurando, por exemplo, o papel que os dedos devem desempenhar, e logo rotativamente, na higiene.

Enxaguar as mãos é o passo oito. Secar as mãos com toalhete descartável, o passo nove. Mas o passo dez volta a revelar que o processo é complexo: "Utilize o toalhete para fechar a torneira, se esta for de comando manual." A torneira deve, por isso, continuar a correr durante todo o passo nove, provavelmente para prevenir eventuais emergências de enxaguamento, sendo fechada apenas no passo dez.
O décimo primeiro passo é o mais interessante: "Agora as suas mãos estão limpas e seguras." A contemplação da limpeza e segurança das mãos constitui, portanto, um passo autónomo neste processo de lavagem manual.
No fim da lavagem, falta apenas, com as mãos impecavelmente limpas (e seguras), sair da casa de banho abrindo a porta em que toda a gente mexeu. E, creio, voltar atrás para repetir o processo.

Ricardo Araújo Pereira, VISÃO

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Palmadas na Maternidade



Três mulheres entram na maternidade, sendo uma delas cigana.


Nasce o filho da 1ª, o médico dá-lhe uma palmada no rabito e o bébé desata a chorar...

Com a 2ª mulher, a situação é igual...

Quando nasce o ciganito, em vez de uma, a criança apanha 5 palmadas.

No dia seguinte, a cigana indignada pergunta ao médico:

-Sr Doutor, porque é que o Sr. aos outros bébés só deu uma palmada e o meu levou 5?!!!

-Minha senhora, se ele não me largasse o relógio ainda apanhava mais!!!

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Receios da 3ª Idade


Crónicas Ricardo Araújo Pereira


Este Benfica é uma desilusão

PRIMEIRO, foram as contratações. Como podiam ser boas se o Benfica faz contratações todos os anos e não tem ganho grande coisa? E a este raciocínio, que seria excelente se não fosse falacioso, seguiram-se outras considerações. Um espanhol por sete milhões? Um absurdo. Se fosse bom, o Real Madrid ficava com ele. Saviola? Um bluff, disseram uns. Vem passar férias e é tão mau jogador como Aimar, disse um candidato a presidente do Benfica. Um homem com visão. Depois, foi o treinador. Era inexperiente, não tinha categoria e foi contratado fora de tempo. Fez um trabalho apenas regular no Braga, disseram uns. Iria ser dos treinadores mais rapidamente despedidos da História, disse um candidato a presidente do Benfica — para quem o treinador ideal era Carlos Azenha (por coincidência, um dos treinadores mais rapidamente despedidos da História). E a seguir foi a maldita pré-época. Que interessava ganhar todas as competições? Muitas vezes, as equipas que fazem as melhores exibições na pré-época são as que jogam pior no campeonato, disseram uns. O candidato a presidente do Benfica é que nunca mais disse nada, o que é pena.




Depois, vieram os primeiros jogos do campeonato. Sim, a equipa joga bem, mas é demasiado cedo para estar a jogar bem, disseram uns. Ao que parece, as boas exibições têm o seu tempo, e não é este. O Benfica, por incompetência ou ingenuidade, cometia a estupidez de jogar bom futebol. Logo a seguir, veio a primeira goleada — curiosamente, a maior das últimas décadas. Não impressionou. Normalíssimo, disseram uns. No ano passado também deram seis ao Marítimo e depois ficaram dois meses sem marcar, disseram outros. Havia que esperar pela semana seguinte. E então, esperou-se. Infelizmente, houve nova goleada. E depois, nova vitória. Os reforços são óptimos, o treinador é muito competente, a pré-época cumpriu as suas promessas, e as goleadas persistem. Não se faz. É muito aborrecido quando a realidade contraria sistematicamente os desejos das pessoas. Julgo que este Benfica deve um pedido de desculpas a muita gente.




Até aos benfiquistas, que também estão desiludidos. Que graça tem estar a ganhar por três ao quarto de hora? Que sentido faz um adepto ter de pedir ao companheiro do lado que lhe ausculte o peito, a ver se o coração continua a bater? Não há um resultado tangencial que o sobressalte, um contra-ataque perigoso que o faça palpitar, uma bola na trave que o obrigue a dar sinal. O sr. Jorge Jesus e os seus pupilos têm consciência das dores musculares com que um ser humano fica quando é forçado a levantar-se de um salto oito vezes no espaço de uma hora e meia? Eu pago para ver futebol, não é para fazer aeróbica. Aviso já que vou passar a levantar-me apenas de três em três golos, uma vez que não tenho preparação física para acompanhar esta equipa. Espero em breve levantar-me por cinco vezes. Como sabem, ando há muito tempo a desejar um 15 a 0.

Por Ricardo Araújo Pereira, Edição 19 de Setembro 2009 - Jornal "A Bola"

Um Benfica Virtual...?


domingo, 20 de setembro de 2009

Jesualdo "O Pensador"


Na ante-visão ao jogo Braga-FC Porto, Jesualdo Ferreira disse que o "Benfica está forte mas não mais que o FC Porto".
Estou com alguma dificuldade em saber onde coloco este Post com esta brilhante declaração:


Humor?
Gripe Suina?
Pornografia?

Aceito sugestões e até ver, fica na etiqueta de Humor....

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Shaq nadou com Phelps e...ganhou



O impensável aconteceu. Michael Phelps foi batido numa prova de natação e ainda por cima por alguém que não é um "habitué" nestas andanças: o basquetebolista Shaquille O'neal.
A corrida entre ambos aconteceu no reality show  "Shaq Vs", onde o poste dos Cleveland Cavaliers tem competido contra desportistas como Oscar de la Hoya ou Ben Roethtlisberger nos seus desportos de eleição.
Desta vez a aposta foi dentro de água e logo contra o recordista de medalhas em Jogos Olímpicos.
Todavia, a prova não foi disputada sob os moldes habituais.
É que O'neal nadou apenas 25 metros enquanto Phelps nadou...o dobro!
Mesmo assim, "o tubarão de Baltimore" ficou a apenas um segundo do basquetebolista...

Aqui fica a prova prova dos 50 metros (ou 25 para O'neal...), que opôs duas lendas do desporto...




Benfica BATEu Leve Levemente...



Com algumas alterações no «onze», mas fiel à sua filosofia actual, o Benfica entrou a ganhar na Liga Europa. O triunfo sobre o BATE Borisov (2-0) foi construído com naturalidade (golos de Nuno Gomes e Cardoso) e nem foi preciso carregar muito no acelerador...


Boa gestão dos recursos humanos já a pensar no jogo de Leiria contra o Jorge de Sousa.

Destaques:

David Luís
Ramires
Nuno Gomes

Jorge Jesus:
No final do jogo, Jesus foi no seu estilo habitual, puxar o amuado Rúben Amorim do túnel que dá acesso aos balneários, obrigando-o a ir agradecer aos adeptos o apoio prestado nestes 90 minutos.
Mais uma lição e prova enorme de respeito deste treinador ao Clube e adeptos...






quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Ramadão












Um muçulmano durante o período do Ramadão senta-se junto a um alentejano no voo Lisboa - Funchal.

Quando o avião descola começam a servir as bebidas aos passageiros.
O alentejano pede um tinto de Borba.

A hospedeira pergunta ao muçulmano se quer beber alguma coisa. 

Responde o muçulmano com ar ofendido:

'Prefiro ser raptado e violado selvaticamente por uma dezena de galdérias da Babilónia antes que uma gota de álcool toque os meus lábios'.
   
O alentejano engasgando-se, devolve o  copo de tinto à hospedeira e diz:

'Eu também, eu também. Não sabia que se podia escolher!!!

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Roger Federer e Saviola: Lances de Génio








O US Open trouxe-nos o último exemplo do talento ímpar de Roger Federer. O suíço é um caso isolado de talento só ao alcance de um predestinado...
Quanto ao lance do Saviola o que seria se este lance tivesse sido "desenhado" por um Messi ou Cristiano Ronaldo...? Todos diriam que realmente só o melhor do mundo o poderia fazer...
Foi o Saviola!... do Benfica!

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

O Conde Monte Cristo (2009)

 
SINOPSE:  
Estádio do Restelo – Assistência: 16 500
BELENENSES: Nélson, Mano, Beto, Diakité, André Pires (Lima 46’), Gabriel Gomez (Pelé 59’), Barge, Zé Pedro, Celestino (Fellipe Bastos 59’), Yontcha, Fredy.
Treinador: João Carlos Pereira
BENFICA: Quim, Ruben Amorim, Luisão, David Luiz, César Peixoto, Javi García (Maxi Pereira 80’), Ramires, Di María (F. Coentrão 67’), Pablo Aimar, Cardozo (Keirrison 63’), Saviola.
Treinador: Jorge Jesus
Golos: 0-1 Saviola (6’), 0-2 Cardozo (57’), 0-3 Javi García (76’),0-4 Ramires (88’)
Árbitro: Olegário Benquerença (Leiria) 6 
Disciplina: amarelos: Celestino (42’), Javi García (50’), Luisão (84’)

sábado, 12 de setembro de 2009

A propósito de eleições: Arnold Schwarzenegger



















Quem fala assim, só pode chegar longe na política:
"Acho que o casamento gay deve ser entre um homem e uma mulher"

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Afinal também os tem...mas não no sítio


Há desenvolvimentos na polémica de Caster Semenya, campeã mundial dos 800 metros. Nas últimas horas a imprensa australiana noticiou que os testes realizados indicam que a atleta é hermafrodita, e que no lugar dos ovários tem testículos...
Uma verdadeira "mulher" com tomates!

Este Blogue estava a precisar de uma coisa Gira


Feitos um para o outro....
E tiveram sorte com o tempo!

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Argentina de Maradona em treino específico


A Argentina continua a desiludir e está em risco de falhar o apuramento para o Mundial da África do Sul. Depois da derrota frente ao Paraguai (1-0), a terceira consecutiva, caiu para o quinto lugar da zona de apuramento. No entanto, Maradona garante que a qualificação não está em risco...
 As críticas ao trabalho de Maradona tornaram-se evidentes, mas o seleccionador não se mostra preocupado referindo que estão a trabalhar bem... 
«Enquanto me sobrar uma gota de sangue, vou lutar para que a Argentina se classifique». 
Será Sangue, será pó?
Pó ainda haverá certamente...

Hungria 0 - Portugal 1: Ganhar bem jogando mal...



  Com um golo de Pepe a centro de Deco a selecção Portuguesa cumpriu os serviços mínimos para continuar a sonhar...embora continue a depender de terceiros para poder chegar à fase final do Campeonato do Mundo de 2010.
Tal como no jogo anterior, Dinamarca 1 - Portugal 1, o golo veio na sequência de uma bola parada com um centro de Deco e golo de Liedson...Valha-nos os nossos "Brasileiros"...!

A selecção tem mais duas obrigações: vencer e vencer, respectivamente Hungria (Estádio da Luz, 10 de Outubro) e Malta (em Guimarães, a 14 de Outubro). De preferência com muitos golos, que podem vir a ser decisivos num cenário de desempate. A ver pelo que aconteceu ontem, é um cenário perfeitamente admissível.
2.º lugar garante 'play-off'
Portugal está neste momento a dois pontos do segundo lugar, que vai dar acesso ao play-off de Novembro (oito selecções a lutarem por quatro vagas). É verdade que há nove grupos e só os oito melhores segundos mantêm a esperança acesa, mas a fraca pontuação da Noruega (10 pontos, grupo 9, já terminado) significa que Portugal, se for segundo, irá seguramente ao play-off.

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Portugal a fazer contas de cabeça


HUNGRIA - PORTUGAL     19:45 TVI

Portugal deixou de depender de si próprio mas mantém algumas esperanças de ser um dos oito melhores segundos classificados e entrar nos play-off de acesso ao Campeonato do Mundo 2010 (só o pior 2.º classificado dos nove grupos não é apurado).
Resta à selecção portuguesa vencer agora todos os jogos que lhe faltam do grupo (dois deles com a Hungria e o último com Malta), somar um total de 19 pontos e esperar que a Suécia (que soma agora 12) perca pontos - tem ainda de defrontar hoje a selecção de Malta (fora), Dinamarca (fora) e Albânia (casa).
Se os suecos perderem um dos jogos, Portugal garante o segundo lugar. Se empatarem, passamos a olhar para a diferença de golos: neste momento Portugal está em desvantagem, tendo score positivo de quatro golos, contra os cinco da Suécia.
Vamos lá galera!

sábado, 5 de setembro de 2009

Dinamarca 1- Portugal 1 ...mais longe de África do Sul


Mais uma vez Portugal pecou na finalização e já lá vão 4 empates!
Com o empate na Dinamarca e a vitória da Suécia na Hungria (2-1), Portugal deixou de depender de si próprio para chegar ao segundo lugar do grupo, que pode dar acesso ao play-off.
Para ser segundo no Grupo 1, Portugal precisa de vencer os três jogos que lhe faltam (dois com a Hungria e um com Malta) e esperar que a Suécia perca (dois ou três) pontos (defronta Malta, Dinamarca e Albânia).
Caso a selecção de Queiroz consiga ser segunda, ainda terá de fazer outras contas. Como o Grupo 9 tem menos uma equipa, os segundos classificados dos grupos 1 a 8 têm de prescindir dos pontos obtidos com o último classificado.
Todos os segundos classificados (à excepção da Escócia) têm mais pontos do que Portugal, embora alguns tenham mais um jogo. Se conseguir vencer os três jogos que lhe faltam e alcançar o segundo posto, Portugal somará 19 pontos e contará com 13 para a comparação com os outros segundos. Algo que não se sabe se chega...

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Dinamarca - Portugal: Grande Tensão...



















Desta vez para não precisamos de calculadora...
a única saída para estar no Mundial de Africa do Sul em 2010 é mesmo...ganhar!
Não é só a presença num Mundial que está e jogo...
O que está em causa é um número redondo: 30 milhões de euros

Ministério da Saúde: SMS/Gripe A - Mensagem enviada

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Gripe A ou "Epidemia de Medo" ?


















Não estaremos perante uma "epidemia de medo" provocada por uma "doença fantasma" que se está a combater com "respostas exageradas"?
Não existirão aqui também múltiplos interesses económicos?
De facto, cerca de 95 por cento dos afectados passarão a doença sem problemas...

O que nos vai valer mesmo são os SMS que vamos passar a receber....pois tendo em conta a elevadíssima taxa de penetração de telemóveis em Portugal, ficaremos todos "vacinados"...

Mais um Troféu: CNE CUP

Benfica venceu nesta madrugada o Celtic FC num amigável realizado na cidade de Toronto vencendo assim a Canadian National Exhibition CUP

O jogo terminou com o resultado de 3-1 (1-1 ao intervalo) e os marcadores de serviço foram Keirrison, Ruben Pinto (Plantel de Juniores) e Saviola.

A deslocação ao Canadá permitiu não só um encaixe de 230 mil euros e o 5.º troféu da época, mas também a aproximação aos emigrantes portugueses em Toronto ( mais de 20.000), que marcaram presença no apoio às águias.


quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Standard Liege e Anderlecht - Lesão grave

A entrada violenta de Alex Witsel sobre Marcin Wasilewski num jogo do campeonato Belga tem espoletado todo o género de emoções.
O jogador do Standard de Liège foi suspenso pela federação até 23 de Novembro de 2009 e já foi ameaçado de morte...
Wasilewski, de 29 anos, sofreu uma dupla fractura exposta da tíbia e peróneo, deverá ser operado no final desta semana e ficará certamente fora da competição durante pelo menos um ano...


Assembleia Geral no Setúbal após o 8-1

Ordem de Trabalhos:

1) Alteração do Símbolo do Clube após resultado com o Benfica

2) Aquisição de um Autocarro (não o levaram no último jogo)




(via: BnR B)

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Um Benfica à moda antiga...

O Benfica alcançou ontem a vitória mais dilatada dos últimos 15 anos, ao bater o V. Setúbal por 8-1, graças a vinte minutos de sonho a meio do primeiro tempo, confirmando as promessas de uma temporada eufórica na Luz.

Recentemente, só me lembro de um resultado idêntico com uma equipa portuguesa frente ao Bayern de Munique na Champions League....

Aqui fica o resumo em que os jogadores do Setúbal saíram do campo Feitos num(1) 8

Também Pode Gostar

Blog Widget by LinkWithin